sábado, 29 de dezembro de 2012

CICLO TRIENAL LEYELADIM - SEDRAH 92 (O ANO SABÁTICO E O JUBILEU)

Shalom Yeladim,


Na Sedrah anterior vimos O Eterno instruindo Mosheh a falar aos B’nei Israel para levarem azeite puro para a Menorah, de modo que ela permanecesse perpetuamente acesa como símbolo da Aliança entre Ele e o  Seu povo.
Fala também, dessa "aliança" simbolizada pelos doze pães (chalot) dispostos sobre a Mesa da propiciação, que representam as 12 Tribos de Israel.
Vamos ao estudo desta semana!

"SHEMITAH/ANO SABÁTICO E O YOVEL/JUBILEU" 

Vayicrah/Levítico 25:1-34

Como podemos ver, o "descanso" é um tema central na Torah e Tanach, pois é o sinal da "aliança" entre HaShem e Seu povo. É, também, um dos primeiros passos na vida daquele que deseja fazer "teshuvah".

O perek/capítulo 25 de Vayicrah/Levítico, nos fala de mais dois tipos de Shabat/Descanso. O Descando Sabático da terra (a cada 7 anos)  e o Jubileu (a cada 50 anos).
  • Descanso Sabático
As palavras hebraicas usadas para descrever a terra, na Bíblia, são "adamah e eretz". "Adamah"’ é usada quando se fala em terra; lugar onde se pode plantar e "Éretz" para a terra no sentido país ou nação.

Mas, o que vem a ser "Descanso Sabático"? 

Em toda a Bíblia, a observância do Shabat/Descanso é tão importante que o Eterno não só o tornou uma "marca" entre o Seu povo, como também o instituiu para a terra onde iriam habitar. "Seis anos semearás a tua terra, e seis anos podarás a tua vinha, e colherás os seus frutos; mas no sétimo ano haverá sábado de descanso solene para a terra, um sábado ao Senhor; não semearás o teu campo, nem podarás a tua vinha." (Vayicrah/Levítico 25:3,4)

Podemos entender isso da seguinte forma:
  • Éretz (Terra de Israel) foi um presente de Elohim para Seu povo (Terra Prometida);
  • Elohim é o dono da terra;
  • A terra dada por YHWH a Seu povo é sagrada;
  • A posse da terra tem limites; não poderia ser "comercializada de forma gananciosa";
  • A terra que o Eterno deu aos Israelitas deveria ser garantia de liberdade para todo o povo e para aqueles que habitassem no meio deles.
Nos anos sabáticos, a Torah/Instrução era lida para o povo, especialmente, durante Chag Sukot/Festa das Cabanas. 

Curiosidade:  (Desde que o Estado de Israel foi reconhecido como Nação, aqueles que para lá retornaram e trabalham na agricultura, continuam a observar o Ano Sabático/Descanso da terra.)
  • Yovel/Jubileu
Continuando Vayicrah/Levítico 25, no verso 10 vemos o Eterno dizendo a Mosheh para falar ao povo sobre um outro "descanso" -  O Jubileu/Yovel. "Então, no décimo dia do sétimo mês, farás soar fortemente o shofar; no dia da expiação fareis soar a trombeta por toda a vossa terra. Declarareis santo o quinquagésimo ano e proclamareis a libertação de todos os moradores da terra. Será para vós um jubileu: cada um de vós retornará a seu patrimônio, e cada um de vós voltará a seu clã." (Vayicrah/Levítico 25:9,10)

O que vem a ser Yovel/Jubileu?

Além da contagem do ano de shemitah (de sete em sete anos), existe a contagem do Yovel/O jubileu, que ocorre a cada cinquenta anos, isto é, no ano seguinte ao término de 7 anos sabáticos (7 x 7 = 49 + 1 ano = Yovel).



Biblicamente, "Yovel"  é o ano do "perdão".  

Como podemos ver na Sedrah desta semana, apesar do Ano do Jubileu ser um ano festivo sagrado, o Yovel caracterizava-se por uma série de obrigações que recaíam sobre toda a nação israelita, como
  • Abstenção de qualquer trabalho agrícola, exatamente como em Shemitah (Ano Sabático);
  • Liberdade incondicional para todo escravo israelita;
  • A devolução de todos os campos aos seus proprietários originais;
  • Perdão de todas as dívidas do povo.

Observação:  (Não importava se o escravo recém começara a servir seu senhor, ou se já havia trabalhado seis anos, todo escravo judeu tinha de ser enviado de volta ao seu lugar de origem. O toque do shofar era um lembrete para ouvir e observar esta mitsvah.)

O ano do jubileu tem como base o pressuposto de que YHWH é o dono absoluto de toda terra. Em especial, Éretz! Ele é quem a deu por herança "a todos os Seus filhos" e deve ser respeitada como sagrada. Por isso, é proibido vender a terra para sempre ou tratá-la como objeto de comercialização/exploração. Ela é uma  dádiva de Elohim a todos os Seus filhos! 


nota: (O Ano do Jubileu/Yovel era marcado como um ano período muito especial para toda a Nação Israelita e foi observado com muita seriedade por todos os B'nei Israel, até a época do segundo Templo.)

ATIVIDADE

PERGUNTAS:

1  O que significa Shemitah?
________________________________________________________________________

2  O que não era permitido em Shemitah/Ano Sabático? 
________________________________________________________________________

2  O que significa Yovel/Jubileu?
________________________________________________________________________

3  Biblicamente, a finalidade do Yovel/Jubileu era :
________________________________________________________________________

4  Para que servia o toque do Sofar em Yovel?  
________________________________________________________________________
Shabat Shalom!



Um comentário:

  1. Shalom,a seguinte passagem,כא אך אם יום או יומים יעמד--לא יקם כי כספו הוא {ס} Êxodo 21:21 diz que se o dono de um escravo feri-lo e ele não morrer imediatamente se durar 1 ou 2 dias seu dono não será punido pois é dinheiro seu,isto não é crueldade?,deixa de ser assassinato só porque o escravo não morreu debaixo da mão do seu senhor?a Torá não proibi assassinato?porque ele não será punido tendo em vista que a causa da morte é a agressão feita pelo mesmo?vi que a palavra יעמד também significa levantar-se,ergue-se,ficar de pé,será que pode haver algo errado com a tradução do texto que nos dá essa visão aparentemente cruel e injusta ?

    ResponderExcluir